Revista da Papelaria

Início » Notícias / Mercado » Para a arte e além

22/12/2017

   

Para a arte e além

A mudança de perfil daqueles que procuram fazer cursos de artesanato é capaz de gerar novas oportunidades para papelarias

Transformar matérias-primas em peças únicas por meio do trabalho manual está presente na vida do ser humano desde os primórdios da história. Mais do que um trabalho tradicional e reflexo da cultura local, o artesanato virou um negócio promissor.


Em tempos de crise, o artesanato se tornou alternativa para aumentar ou gerar renda, o que mudou a realidade do cenário de produção artística. “Hoje as pessoas querem aprender o ofício para ter renda. O boom do artesanato como paixão passou. Ficaram só os criativos ou os que querem ganhar dinheiro”, afirma Andreia Giorisatto, proprietária da Papelaria Rainha, que promove diversos cursos de artesanato em Vila Velha/ES.


Artesanato e conhecimento, claro, tem tudo a ver com papelaria. Para quem quer começar a investir em cursos de arte, não é preciso investimento muito alto, mas empenho não pode faltar. Para concorrer com os milhares de possibilidades de aprendizado pela internet, o trabalho precisa ser assertivo. É essencial ter um espaço adequado, com mesas, cadeiras, boa circulação de ar ou ar-condicionado. Caso seja em piso superior, é preciso se lembrar da acessibilidade para os clientes. Isso sem falar na dinâmica do professor, que é sempre decisória para a adesão de alunos.

 

< Anterior | Próxima >