CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Consumidor

A geleca preferida das crianças…

Compartilhe
Papelaria A geleca preferida das crianças

Chama-se slime e é feita em casa com uma receita cheia de itens de papelaria (o que é melhor!)

Uma geleca grudenta com uma textura maleável que pode ser esmagada, esticada, enrolada e moldada é o novo produto “queridinho” das crianças no Brasil e no mundo. Essa é a definição do slime, combinação de bicabornato de sódio, água, cola branca líquida e espuma de barbar, sem contar os glitters, lantejoulas e bolinhas de isopor para decorar.

Papelaria A geleca preferida das crianças
Bebel Haertel, de 10 anos

A brincadeira ganha um destaque a mais entre os pequenos porque é feita totalmente em casa e vira uma atividade superdivertida! Bebel Haertel, de 10 anos, é apaixonada por slime e adora se distrair nos intervalos da escola. “Passou a ser muito legal brincar, porque é uma coisa que você faz em casa, pode decorar do jeito que quiser e com o que quiser”, explica a estudante.

A estudante Luma Gabrielle de Almeida, de nove anos, também brinca e adora o som dos cliques da geleca. “Slime é uma brincadeira que, se você está estressado, pode usar ele para relaxar. Fico viciada quanto toco e, se eu estou cansada e começo a brincar, fico mais calma”, conta. As miçangas e bolinhas de isopor são os adereços preferidos dela para colocar na gelequinha.
Melissa Seabra, de 13 anos, se interessou pela brincadeira por conta de vídeos no YouTube e Instagram e, agora, é uma atividade quase diária da jovem. “O mais interessante de brincar com o slime é criar texturas, tipos, cores etc. É usar a imaginação! Eu mesma crio várias coisas diferentes e legais”, enfatiza.

Amor e negócios

Papelaria A geleca preferida das crianças
Luma Gabrielle de Almeida, nove anos

As meninas são viciadas mesmo! Melissa e Bebel até decidiram investir em um perfil no Instagram para venda de slimes personalizados. Juntas, as duas somam mais de 48,1 mil seguidores nos usuários @bel.Slimes_ e @Slimes.mel. “Comecei a vender slime, porque, quando levava pra escola, muitas amigas minhas me pediam. Uso o dinheiro que ganho para comprar mais ingredientes diferentes”, afirma Bebel. Melissa transformou o amor pela brincadeira em negócio desde outubro de 2017. Hoje prefere comprar kits completos para confecção da artimanha com tudo incluso. Fica a dica para os lojistas, hein!

Post anterior
Próximo post

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *