CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Eventos

A mais internacional das feiras

Compartilhe

Paperworld 2018 mostra crescimento tanto em expositores como em visitantes, consolida seu perfil internacional e capacidade de atender às expectativas do mercado

Em 2018, a feira Paperworld reforçou seu perfil internacional dentro do mercado de papelaria. Realizada de 27 a 30 de janeiro, em Frankfurt, na Alemanha, o evento atraiu 33.787 visitantes, sendo 22.715 estrangeiros e 1.640 empresas expositoras, das quais 1.397 são de fora do país. Os visitantes representaram 146 países, enquanto os expositores, 66. O que esses números indicam? Eles demostram que 85% do evento é internacional e, mais do que isso, que a Paperworld é o cenário mais adequado para o setor mostrar tendências de consumo, inovação em produtos, inspiração para o varejo e reflexões sobre o futuro, além de vivenciar muitas oportunidades de negócios.

O público visitante da Paperworld é altamente qualificado: 31% são varejistas, 23% distribuidores, 15% da área de serviços, 12% industriais e 19% de outra procedência. Outro aspecto que indica essa qualidade é o fato de que 39% deles têm poder de decisão. Dos visitantes, 49% declararam muito satisfeitos e 46%, satisfeitos. O mesmo sentimento é compartilhado por grande parte dos expositores, como Jürgen Feuerstein, CEO da Molotow, fornecedora de tintas spray e marcadores diversos. “Estamos muito satisfeitos com a Paperworld. Ela é referência para nossos negócios internacionais. É aqui que mostramos novas ideias e conceitos para os varejistas, para que inspirem os consumidores finais”, explica o executivo da marca que chegou recentemente ao Brasil.

Ano após ano, a Messe Frankfurt, promotora do evento, se empenha a atender às novas demandas do mercado de papelaria das mais variadas vertentes do setor. Isso é percebido com a realização da Paperworld pelo fato de o evento manter uma organização por áreas de interesse capaz de abranger as especificidades do complexo mercado. As empresas de variados portes estão distribuídas em áreas próprias para materiais escolares, acessórios para escritório, papelaria fina, presentes e itens de organização, assim como suprimentos de impressão. Além de objetividade, essa dinâmica oferece ao visitante a oportunidade de perceber todas as possibilidades de fornecimento de uma determinada linha de produtos.

Pode ocorrer de um determinado nicho passar a ser tão relevante que se torna capaz de conquistar a independência. Como foi o caso da atual Creativeworld, que, após anos sendo uma área para artesanato e hobby criativo da Paperworld, passou a ser uma feira independente que acontece em paralelo ao evento mãe. Em 2018, apenas duas empresas brasileiras participaram do evento: a Credeal, na Paperworld, e a Acrilex, na Creativeworld.

Conforto, saúde e produtividade, nesta ordem, vão garantir o sucesso na economia mundial. A premissa foi mostrada em palestras e vivências na área Escritório do Futuro.

Em pesquisa realizada anualmente pela Messe Frankfurt, os visitantes apontam que conhecer inovações e estabelecer novas relações comerciais são os principais motivos para irem à Paperworld. Para atender a esses objetivos, o evento proporciona vários momentos de reflexão sobre tendências e inspiração. Escritório do Futuro, Show de Tendências, Mr. Book & Mrs. Paper e Cultura Asiática são alguns deles. Além disso, o potencial de realização de negócios recebe um incentivo extra com a participação de visitas especiais organizada pela Messe. É o caso do Projeto Insider, que acontece há 10 anos e que, em 2018, levou cerca de dois mil empresários de papelarias que têm até 10 funcionários para a Paperworld. Um dos dias do evento é dedicado a um programa especial. Este ano foi a vez de atender aos compradores corporativos e formadores de opinião. Cerca de 350 profissionais participaram.

Ambientes saudáveis

Além de toda diversidade de produtos de papelaria, a Paperworld se propõe a ser disseminadora de conceitos e tendências. O espaço Escritório do Futuro é prova disso. Por meio de exposição e palestra com especialistas, a ideia de bem-estar e qualidade de vida nos escritórios é transmitida de modo bem contundente. Se, por um lado, alguns objetos e acessórios de escritório caducaram diante de ambientes de trabalho que têm cada vez menos papéis, por outro lado, a digitalização de processos apresenta novas oportunidades e prioridades. Ferramentas que facilitam o trabalho colaborativo e valorização da saúde são algumas delas.

Segundo organizadores do Escritório do Futuro, a iluminação, acústica, qualidade do ar e a ergonomia dos móveis são fatores fundamentais para a produtividade e a sustentabilidade do próprio trabalho em escritórios. Sob o lema “Sedentarismo é o novo tabagismo”, o espaço mostrou algumas soluções práticas para que o corpo se mantenha ativo e em movimento mesmo quando se está sentado durante o trabalho repetitivo dos escritórios.

Alerta de tendência

Na área Mr Book & Mrs Paper eram mostradas composições para exposição de diferentes produtos nas papelarias. Mais inspirações podiam ser vistas na Paperworld Trend Show e, se o interesse for por embalagens diferenciadas, o workshop Wrap Up era o mais indicado.

A tão festejada e esperada área de tendências buscou, mais uma vez, oferecer soluções inovadoras tanto para ambientes profissionais e estudantis como para o segmento de gifts e embalagens. Na área Trabalho + Desafio, a proposta é um ambiente profissional holístico e relaxado, onde é possível combinar alta tecnologia, trabalho colaborativo e conforto. A paleta de cores que compõe a tendência ressalta a simplicidade remetendo a tons de cinza e de marrom, areia, verde-mar e vermelho escuro.

Para os artigos de papelaria em geral, as tendências seguem caminhos complementares: Espírito + Ambição e Minimalismo + Excelência. A primeira área, por exemplo, evidencia os aspectos dinâmicos dos escritórios modernos, onde o digital e o analógico se encontram harmoniosamente, assim como coexistem jovens artistas e inovações tecnológicas de ponta. O uso de letterings e arte urbana indoor é uma referência aqui.

Highlights por toda parte

A Paperworld apresenta também a criatividade e
produção de pequenas empresas alemãs e tem um
pavihão inteiro sobre insumos de impressão.

Se o visitante está interessado especificamente em fornecedores da Ásia, há dois pisos apenas para atendê-lo, mas se o interesse é em suprimentos de impressão, com destaque para cartuchos remanufaturados ou impressão 3D, também há um espaço exclusivo para isso. Foi lá também que aconteceu um extenso programa de palestras que constitui o Remanexpo, que, este ano, reuniu cerca de 150 empresas apresentando inovações e melhorias técnicas para impressões mais sustentáveis.

Partindo do pressuposto que o que compramos e onde compramos revela cada vez mais um estilo de vida e a personalidade do indivíduo, o espaço Mr. Book & Mrs. Paper apresenta a exibição de produtos selecionados em diferentes cenários. Área perfeita para inspiração de composição de vitrines ou ambiente de lojas que tenham como objetivo criar experiências de compras inesquecíveis.

Outro momento de puro frescor é a área para jovens e pequenas empresas alemãs. A passagem por lá é sempre recompensadora para quem busca genuína criatividade. Outro destaque são as soluções da especialista na arte de embalar presentes Ulla Büning, o que pode ser um diferencial para toda papelaria. A próxima Paperworld vai acontecer de 26 a 29 de janeiro de 2019. A organização já anunciou que prepara mudanças na disposição das categorias de produtos pelos vários pisos de exposição. Veja mais sobre a Paperworld no site da Revista da Papelaria.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *