CARREGANDO

Escreva para pesquisar

Destaque

No Natal, transforme produtos de papelaria em elementos decorativos

Compartilhe

Iluminação, minimalismo e customização podem atrair mais clientes neste Natal

Não é segredo que a experiência de compra do consumidor tem início antes mesmo de ele entrar na loja, começando quando ele para e observa a vitrine. Esse momento é decisivo, já que, segundo pesquisa realizada pela Nielsen Company, empresa especializada no estudo de consumidores, 70% da decisão de adquirir algum produto acontece dentro da loja, por isso, é de fundamental importância atrair o cliente para dentro dela. Ainda mais durante o Natal…

Quando estamos próximos a datas intrinsicamente atreladas ao consumo, como é o caso do Natal, o cuidado com a montagem das vitrines deve ser intensificado. Para papelarias, além da atenção com a limpeza, organização e iluminação, a dica é aproveitar os próprios produtos de maneira criativa, utilizando formatos e cores para organizar elementos natalinos.

“A ideia é puxar elementos que conversem com a data em questão. Podemos montar vitrines com árvores de Natal inusitadas, formadas pelo empilhamento de produtos, como caixas de lápis de cor ou cadernos”, sugere a vitrinista Silmara Carreiro, da NT Vitrina.

De acordo com a especialista em visual merchandising, a tendência atual aponta para a importância da sustentabilidade, customização de objetos e produção handmade, que, na montagem da vitrine, podem ser mesclados com objetos natalinos tradicionais, como pisca-piscas e bonecos do Papai Noel.

Além disso, é importante lembrar que é fundamental proporcionar ao consumidor experiências visuais e sensoriais, de modo que ele tenha vontade de entrar na loja para conhecer os produtos e experimentá-los.

“Por meio de técnicas de exposição, utilizando displays e iluminação ideal de acordo com o local, procuramos atrair a atenção do consumidor pelo olhar e ativar todos os seus sentidos, fazendo com que ele entre na loja e encontre um ambiente intimista e acolhedor”, completa Silmara.

Vitrines customizadas e instagramáveis

A iluminação é um dos fatores levados em consideração pela equipe da Lepok Papelaria no momento de montar as vitrines. Como são lojas de rua, as vagas para o estacionamento de carros ficam na frente das vitrines, então, é necessário ter uma estratégia diferente para chamar atenção dos clientes. Por isso, das cinco lojas, apenas a de Jundiaí continua com vitrines tradicionais; as outras quatro estão com adesivos, que proporcionam novas experiências aos clientes. “Atualmente, nós optamos por adesivar as vitrines e aproveitamos para criar um ambiente instagramável fora da loja, o que já é tendência em diversos segmentos, possibilitando que os clientes tenham a experiência de tirar fotos com elementos legais e compartilhem nas redes sociais”, conta Márcio Barbosa, gerente comercial da Lepok.

Esse ambiente instagramável é criado com o uso de produtos de marcas parceiras da loja, como objetos formados com Post-its e asas de anjo desenhadas no vidro com a caneta Pilot Pintor. Para o Natal, a estratégia da Lepok é antecipar a campanha de volta às aulas, destacando os produtos que são lançamento nas extremidades das gôndolas e chamando atenção dos clientes para itens como mochilas, que são considerados presentes por tios, avós e padrinhos de crianças.

“Como nós não trabalhamos com linhas específicas de presentes, procuramos fazer com que os produtos de papelaria sejam vistos como presentes de Natal. Montamos kits temáticos, com planners, cadernos e cadernetas, por exemplo”, afirma Márcio.

Minimalismo

Em um cenário diferente por estar dentro de um shopping, a Papel Design aposta em uma decoração minimalista para o Natal. Normalmente, a vitrine da loja já é organizada com produtos do setor de presentes em destaque e, nesta época do ano, ganha apenas alguns detalhes e cores natalinas.

“Usamos as cores do Natal, forramos as vitrines com vermelho e verde e colocamos uma ou outra decoração natalina, além de explorarmos os cartões de Natal na composição, que são produtos que saem bastante no final do ano”, conta Arlene Barmak, proprietária da Papel Design.

Apesar de o foco serem os presentes, os itens de papelaria não ficam para trás, já que muitos deles possuem um valor agregado alto e também podem ser utilizados para presentear. “Como a nossa parte de papelaria é de produtos finos, os kits de canetas, cadernos, sketchbook, fichários, lápis de cor profissionais e itens para lettering acabam saindo bastante nesta época do ano, porque também são considerados presentes”, avalia Arlene.

Além dos presentes e dos itens de papelaria que podem ser presenteáveis, neste período de fim de ano há uma intensificação na venda de caixas, papel de presente e fitas, itens que também podem ser explorados nas decorações natalinas das vitrines e nas partes internas das lojas.


Especialista em visual merchandising, Silmara Carreiro elaborou duas listas com dicas do que as lojas devem fazer ou precisam evitar no momento de montar as vitrines para a época de Natal.

CERTO

  • Vitrines com prateleiras em vidro para pequenos produtos
  • Usar caixas para montar “andares” na vitrine
  • Trabalhar com cores natalinas, misturando diferentes produtos
  • Usar itens natalinos, como pisca-pisca
  • Montar árvores de Natal com itens de papelaria
  • Fazer um menu com valores dos produtos

ERRADO

  • Exagerar na quantidade de produtos
  • Deixar acumular poeira nas prateleiras e itens natalinos
  • Colocar etiquetas de preço grandes
  • Lâmpadas da vitrine e dos pisca-piscas queimadas

Tags: